quarta-feira, 9 de março de 2011

Acidente de Trânsito: O que fazer?


Nos dias atuais, com o aumento significativo da frota brasileira nas ruas e avenidas das grandes e pequenas cidades, é inevitável que ocorra diversos tipos de acidentes de trânsito - atropelamento, colisão, choque, capotamento, engavetamento, entre outros. Quando do acontecimento de tal situação, vem a pergunta - O que faço agora?


Veremos os dois tipos de acidentes mais comuns, que são com vítimas e sem vítimas.

Quando ocorrer um acidente de trânsito sem vítimas, os dois condutores tem que retirar os veículos da via para evitar congestionamentos e colocá-los em um local seguro para que não ocorra outros acidentes. Aí então, os dois tentam um acordo amigável e, que se não for possível, tem-se a opção de deslocarem-se até uma Base da Polícia Militar mais próxima para a confeção do BO PM/TC, onde ambos narram suas versões e assinam em campo próprio. Em havendo a recusa de uma das partes, não há problemas, anota-se a placa do outro veículo, local e hora da ocorrência e com os dados em mãos e mais o CRLV do veículo e CNH do condutor, dirija-se até uma Base da PM em qualquer região do Estado de São Paulo para a confecção do BO PM/TC. Este BO PM/TC tem como finalidade uma possível ação no Juizado Especial Civel para ressarcimento de danos e para efeitos de seguro, haja vista, que as seguradoras exigem o referido boletim. Há de salientar que este registro não necessita ser feito no mesmo dia, porém deve ser registrado o mais rápido possível. Tem-se um prazo de até 30 dias.

Já em uma ocorrência em que haja vítima, ligar imediatamente para o Corpo de Bombeiros 193 ou para o SAMU 192. É necessário ver em que situação está a referida vítima, se é criança, se é idoso, se está consciente, com muito sangramento, presa em ferragens etc, pois esses dados serão de grande importância para o serviço de Resgate do Corpo de Bombeiros e do SAMU. É muito importante orientar a vítima para que ela evita se mexer para evitar lesões até a chegada do Resgate e sinalizar bem a via para evitar outros acidentes. O mais rápido possível ligar para o serviço de Emergência 190 para que uma equipe da PM possa dar o prosseguimento na ocorrência.
O mais importante em uma situação dessas, é manter a calma e ajudar as pessoas que estejam envolvidas no acidente.

E lembre-se, dirija sempre defensivamente e com o máximo de atenção possível, pois um acidente acontece em frações de segundos.

SE BEBER, NÃO DIRIJA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário